16 de September de 2019

Primeira escola de surfe pública do Brasil faz 28 anos

Escola Radical, em Santos (SP), coordenada pelo surfista e professor Cisco Araña, 62, completa quase três décadas

A comemoração ocorre no Posto 2, amanhã (28), à partir das 8h30. O cronograma inclui atividades de Yoga, aulas abertas de surfe, café da manhã e cerimônia de encerramento.


Fachada da Escola Radical, em Santos (SP). Foto Divulgação/Secom.

Sobre a Escola

Com cerca de 500 alunos, a escola de surfe foi inaugurada em junho de 1992. Desde então, são mais de 30 mil pessoas beneficiadas com aulas gratuitas.

Atualmente, atende cerca de oitenta praticantes portadores de necessidades especiais e/ou mobilidade física reduzida.

“A escola é um patrimônio da nossa cidade (Santos) e referência para o mundo com relação às inovações feitas em pranchas adaptadas de surfe e à prática do surfe na terceira idade, já que temos hoje cerca de 120 a 150 alunos com mais de 50 anos.”

Cisco Araña , coordenador da Escola Radical.


Surfe na terceira idade. Crédito da foto: Andre Maresco.

Parabéns e que venham muitos anos de surfe!

Relembre a matéria feita pela jornalista e longboarder Juliana Calderari sobre o Festival Prancha Oca.

Créditos de Imagem: Secom/Andre Maresco.

Article source: http://origemsurf.folha.uol.com.br/2019/06/27/primeira-escola-de-surfe-publica-do-brasil-faz-28-anos/

Speak Your Mind

*