15 de December de 2018

Veja as certificações mais bem pagas | Notícias

Com base nas conclusões na pesquisa IT Skills and Salary, realizada pela Global Knowledge, a consultoria publicou uma lista com as 15 certificações que prometem maiores salários em 2015. Certificações em segurança, rede e gerenciamento de sistemas estão no topo do ranking. 

Segundo a pesquisa, as classificações tem como base certificações que receberam um número mínimo de respostas para serem estatisticamente relevante. Com isso, determinadas certificações podem pagar mais, mas não são representadas devido a sua natureza exclusiva. 

Exemplos desse tipo são a Cisco Certified Internetworking Expert (CCIE) e a VMware Certified Design Expert (VCDX).

A Global Knowledge listou as habilidades de acordo com a média de salário dos profissionais certificados nos Estados Unidos. 

1. Certified in Risk and Information Systems Control (CRISC) – Salário anual de US$ 119,227

O grupo sem fins lucrativos ISACA oferece a certificação CRISC, projetada para profissionais de TI, gerentes de projeto, e outros profissionais que trabalhem com identificação e gerenciamento de riscos através de sistemas de informação. Ela cobre todo o ciclo de vida, desde a concepção até a manutenção contínua.

Desde a introdução da CRISC, em 2010, mais de 17 mil pessoas ganharam a credencial, mas o número é relativamente pequeno em relação à demanda, o que faz da CRISC a certificação mais bem paga.

2. Certified Information Security Manager (CISM) – Salário anual de US$ 118,348

A ISACA também criou certificação CISM. Ela é destinada mais à gestão do que ao profissional de TI, e é centrada na estratégia de segurança e avaliação dos sistema.

Mais de 24 mil pessoas foram certificadas desde a sua introdução, em 2002. A área se tornou  altamente procurada, com uma oferta relativamente reduzida de pessoas certificadas. 

Além disso, o exame só é oferecido três vezes por ano, o que torna sua realização um desafio maior do que a de muitos outros testes de certificação

3. Certified Information Systems Security Professional (CISSP) – Salário anual de US$ 110,603

Oferecida pelo Consórcio Internacional de Certificação de Sistemas de Informação de Segurança (ISC), a CISSP é projetada para fornecer experiência em segurança sem ligação com fornecedores específicos.

Lançada em 1994, a CISSP consiste em um exame relacionado a dez diferentes áreas de segurança, incluindo análise de risco, computação em nuvem, segurança no desenvolvimento de aplicativos, mobilidade, criptografia, segurança física, continuidade de negócios, planejamento de recuperação de desastres e questões legais e de conformidade.

Candidatos à CISSP devem ter pelo menos cinco anos de experiência em tempo integral em, no mínimo, duas das dez áreas.

4. Project Management Professional – Salário anual de US$109,405

Primeira certificação no ranking que não é relacionada a segurança, a PMP foi criada pelo Project Management Institute (PMI). Ela é a certificação de gerenciamento de projetos mais reconhecida no mundo e já credenciou mais de 630 mil pessoas.

O exame testa cinco áreas relacionadas ao ciclo de vida de um projeto: iniciação, planejamento, execução, monitoramento e controle, e encerramento. 

5. Certified Information Systems Auditor (CISA) – Salário anual de US$ 106,181

A quinta certificação que mais paga também é da ISACA. Ela é focada em auditores de sistemas de informação. Criada em 1978, já certificou mais de 106 mil pessoas.

A CISA requer pelo menos cinco anos de experiência em auditoria de sistemas de informação, controle ou segurança, além da aprovação no exame, que só é oferecido três vezes por ano.

6. Certified ScrumMaster – Salário anual de US$ 101,729

Outra certificação relacionada com a gestão de projetos a entrar na lista, a Certified ScrumMaster era originalmente focada em desenvolvimento de software, mas hoje é frequentemente aplicada em muitas áreas além do desenvolvimento.

A designação Certified ScrumMaster foi criada pela Scrum Alliance e exige que o candidato participe de uma aula ministrada por um instrutor Certified Scrum e passe no exame associado. Existem mais de 262 mil profissionais ScrumMasters Certified. 

7. Cisco Certified Design Associate (CCDA) – Salário anual de US$ 99,701

Os níveis de certificação da Cisco são Entry, Associate, Professional, Expert e Architect. Os profissionais que obtêm a certificação Associate são tipicamente engenheiros de rede, técnicos ou técnicos de suporte. Os conhecimentos necessários são relacionados a projetos de rede, switching, segurança, voz, vídeo, conectividade sem fio e IP.

8. Citrix Certified Professional – Virtualization (CCP-V) – Salário anual de US$ 97,998

A CCP-V é uma certificação mais recente da Citrix, que substituiu a Citrix Certified Enterprise Engineer Empresa, aposentada em novembro de 2014. 

Focada no XenDesktop 7, a CCP-V exige que os candidatos já tenham recebido a Citrix Certified Associate – Virtualization (CCA- V). A CCP-V certifica que o profissional pode implantar aplicativos e desktops virtuais usando uma variedade de tecnologias Citrix XenDesktop, incluindo 7, XenServer, e NetScaler.

9. Cisco Certified Network Professional (CCNP) Routing and Switching – Salário anual de US$ 97,038

A certificação CCNP Routing e Switching é uma continuação da Cisco Certified Network Associate (CCNA) Routing e Switching. CCNPs em roteamento e switching normalmente têm pelo menos dois anos de experiência e demonstram a capacidade de planejar, implantar e solucionar problemas em cenários de LAN e WAN.

10. Juniper Networks Certified Internet Associate – Junos (JNCIA-Junos) – Salário anual de US$ 96,734

A JNCIA-Junos certifica conhecimento em fundamentos de rede, roteamento e switch. É a única certificação de nível de entrada no top 10.

11. Microsoft Certified Systems Engineer (MCSE) – Salário anual de US$ 96,198

Essa é uma certificação antiga que não está mais disponível. Ela foi substituída pela Microsoft Certified Solutions Expert, que mantém a mesma sigla.

12. ITIL v3 Foundation – Salário anual de US$ 95,434

A ITIL foi criada pelo governo da Inglaterra na década de 1980 para padronizar o gerenciamento de TI. Ela reúne um conjunto de melhores práticas para alinhar os serviços que a TI fornece com as necessidades das organizações.

13. Certified Ethical Hacker (CEH) – Salário anual de US$ 95,155

O Conselho Internacional de Consultores de E-Commerce (EC-Council) criou e gerencia a CEH. Ela é projetada para testar as habilidades do candidato para encontrar brechas, fraquezas e vulnerabilidades na rede de defesa de uma empresa, utilizando técnicas e métodos que hackers utilizam.

14. VMware Certified Professional – Data Center Virtualization (VCP-DCV) – Salário anual de US$ 94,181

A certificação de entrada VMware Certified Professional (VCP) é a certificação mais antiga da VMware. Como o portfólio da empresa cresceu nos últimos anos, foi decidido que uma única certificação não era mais suficiente. Com isso, a única VCP que  entrou no top 15 deste ano é que foca em virtualização de data center, a maior e mais antiga das divisões da VCP.

15. Certified Novell Engineer (CNE) – Salário anual de US$ 93,856

A certificação CNE era muito popular na década de 1990 e deixou de ser destaque quanto a Microsoft se tornou a fornecedora de servidores dominante na década de 2000. Agora, com muito mais plataformas e menos CNEs, já que muitos mudaram de área, esta certificação voltou a ter demanda.

Article source: https://www.baguete.com.br/noticias/17/06/2015/veja-as-certificacoes-mais-bem-pagas

Speak Your Mind

*